Mulher morta com possível pedrada na BR 386, recebeu os primeiros atendimentos em Fontoura Xavier

Como forma de esclarecimento à comunidade e como contraponto de informações a reportagem ouviu o enfermeiro, Tiago José Hulerich, que atua em Fontoura Xavier, o qual se manifestou quanto aos primeiros atendimentos a Marta Albert Porto, de 48 anos, passageira de um caminhoneiro, que perdeu a vida em virtude de ser atingida por um objeto desconhecido, possivelmente uma pedra. O fato ocorreu no último dia 02/07, na BR 386, em Fontoura Xavier.

Segundo o enfermeiro, a mulher foi trazida até o Hospital Santa Terezinha de Fontoura Xavier por uma terceira pessoa a qual auxiliou o marido, o condutor da carreta Paulo Porto. A equipe de enfermagem do Hospital, inclusive a médica de plantão prestou todo o socorro e como a paciente perdia muito sangue e conforme Tiago estava em coma, ele, mais uma enfermeira e a médica plantonista por meio de ambulância disponibilizada pela Secretaria de Saúde de Fontoura realizaram o encaminhamento até o Hospital Frei Clemente de Soledade.

Após se verificar a situação grave da mulher, a instituição de saúde de Soledade encaminhou-a ao Hospital São Vicente de Paulo, em Passo Fundo. Quando questionado referente a paciente não ser diretamente direcionada a Passo Fundo, Hulerich respondeu que pelo fato da referência em emergências desta natureza para Fontoura Xavier ser Soledade, este foi o procedimento.

Rádio Soledade