SOLEDADE – Projeto de Recuperação das Nascentes é lançado no Município

Objetivo é mapear, classificar e caracterizar as nascentes em Soledade

A Uergs Botucaraí em parceria com o Conselho Municipal do Meio Ambiente (Condema) e com o Departamento do Meio Ambiente lançou nesta quarta-feira, 06/06, o projeto de Recuperação das Nascentes de Soledade em evento realizado na Câmara Municipal de Vereadores.

Uma das coordenadoras do projeto que também coordena o curso de gestão ambiental da Uergs em Soledade, Marta Martins Barbosa Prestes, este é um projeto que trará bons frutos para o município, mapeando as nascentes do rio Espraiado.

Marta salientou que um pré-estudo já foi feito e que mais de 75 foram mapeadas em Soledade, no entanto, muitas delas em situação de poluição, aterradas ou contaminadas, o que poderá ocasionar, futuramente na diminuição do nível e também a qualidade de água.

“Unindo esforços em toda a comunidade, com lideranças para que possa ser feito um trabalho conjunto para que o desafio seja cumprido de conseguir minimizar os problemas com os recursos hídricos”, destacou Marta.

O projeto, segundo Marta, surgiu dentro do Condema, as lideranças começaram a trabalhar juntas para que uma comissão fosse formada para tratar deste projeto. “As entidade que abraçaram a ideia no final do ano passado e de lá para cá, o projeto se estruturou até o seu lançamento”, enfatizou.

A partir de agora, o projeto será submetido a agências financiadoras, pois serão necessários recursos para o mapeamento. Os primeiros passos serão mapear, classificar e caracterizar qual a situação das nascentes e a partir daí, será feito o estudo do próprio rio e seus recursos. O objetivo também é a plantação de arbóreas nativas para que a recuperação das nascentes seja feita o quanto antes possível.

Rádio Cristal