PASSO FUNDO – Seminário Nacional de Inclusão Digital reúne especialistas para debater educação e tecnologias na UPF

Um dos pontos importantes no 2º Seminário Nacional de Inclusão Digital
(Senid) que acontece de 08 a 10 de abril na Universidade de Passo Fundo
(UPF) são as participações de nomes de referência na área da educação e
tecnologia. A programação noturna acontece no Centro de Eventos e
durante o dia várias palestras, debates e competições serão realizadas
no Instituto de Ciências Exatas e Geociências (Iceg), e no auditório da
Faculdade de Ciências Econômicas, Administrativas e Contábeis (Feac),
também no Campus I. Além disso, o evento conta com a solenidade de
entrega do título Honoris Causa à professora Léa da Cruz Fagundes.

Para o coordenador geral do evento, professor Adriano Canabarro
Teixeira, a participação de grandes pesquisadores e pensadores da área
da tecnologia e educação engrandece o seminário, que tem atividades
programadas para alunos, professores e comunidade. “Nossos convidados
mostram o prestígio da UPF em diferentes esferas governamentais e de
fomento e revelam que estamos nos consolidando como referência na área
de inclusão digital”, ressalta.

Entre os convidados de renome, ele destaca o coordenador geral de
Articulação Institucional do Ministério das Comunicações do Governo
Federal Cristiano Cezar de Oliveira Passos; o diretor de Inclusão
Digital do Governo do Estado Gerson da Silva Barrey; a
diretora-presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado (Fapergs)
Nádya Pesce da Silveira; o assessor da presidência da Companhia de
Processamento de Dados do Rio Grande do Sul (Procergs) Cesar Telles; o
coordenador geral de Gabinete Digital do Estado Vinicius Wu; a
coordenadora do Programa Nacional de Informática na Educação da
Secretaria de Educação do Estado Magda Rejane Bonapaz da Motta e a
diretora do Departamento de Logística e Suprimento da Seduc, Dra. Ana
Claudia Figueroa.

Programação
Nessa edição, a programação do seminário contará com diversas oficinas e
apresentações de artigos e painéis, que devem abordar experiências nas
áreas de inclusão digital na educação e em processos de inclusão social.
Ao todo, 226 trabalhos foram inscritos, reunindo pesquisadores de 129
instituições de ensino brasileiras e internacionais. Na abertura do
evento, nesta segunda-feira, dia 08, às19h30min, haverá a concessão de
título honorífico “Professora Honoris Causa” para a Dra. Léa Fagundes e,
após, a palestra de abertura Por uma cultura hacker na educação, no
Centro de Eventos.

Todos os detalhes sobre da programação podem ser conferidos no site
senid.upf.br. Informações também pelo telefone (54) 3316-8354.

(Assessoria de Imprensa – UPF)