CARAZINHO – PSDB abre processo disciplinar contra vereador que protagonizou barraco na Câmara

A Comissão Provisória do PSDB de Carazinho esteve reunida nesta terça-feira (13) para analisar a situação ocorrida ao final da sessão ordinária desta segunda-feira na Câmara de Carazinho entre os dois vereadores do partido, Erlei Vieira e João Pedro Albuquerque de Azevedo, sendo que o primeiro investiu contra o segundo porque pensam de forma diferente sobre o uso de diárias.

Conforme a Ata da reunião 03/2018 do PSDB, por ser parte envolvida, o vereador João Pedro declinou da sua posição de presidente e membro da Comissão Provisória para análise do caso.

A seguir, os membros da Comissão concluíram por unanimidade que os atos praticados pelo vereador Erlei, ”de intimidação e agressão verbal ao vereador João Pedro, chegando quase às vias de fato, são incompatíveis com a postura e ética que se espera de um partidário, principalmente no exercício de um mandato eletivo, e concluíram pela abertura de encaminhamento de processo ético disciplinar contra o vereador Erlei”.

Para tanto, o partido “vai buscar junto ao diretório estadual as medidas regimentais para início do referido processo”.

O vereador Erlei foi procurado por nossa reportagem mas está em Porto Alegre, e pelo wattsApp disse que vai se manifestar quando retornar a Carazinho.

Foto: Fernão Duarte
Gazeta AM