Diálogo Espírita – IMORTALIDADE

As religiões proclamam a continuidade da alma após a morte, sem ter informações da forma e como que a alma sobrevive.

A Doutrina dos Espíritos veio a revelar a vida na Dimensão Espiritual e a forma de sobrevivência da alma ou do espírito.

Nas cinco obras do Espiritismo – O Livro dos Espíritos; O Livro dos Médiuns; O Evangelho Segundo o Espiritismo; O Céu e o Inferno; A Gênese – esclarecem os pontos da sobrevivência.

Chico Xavier, com mais de quatrocentas obras psicografadas, isto é, todos contendo informações do lado Espiritual, complementam com detalhes o que acontece na continuidade da vida após a morte do corpo físico.

A imortalidade da alma é, de fato, a base de toda a ciência, de toda a religião, de toda a filosofia, de toda a moral.

Somos Espíritos pré-existentes, que mediante nossas experiências em vidas anteriores respondem o desequilíbrio atual da humanidade e na continuidade da vida, Deus abre a oportunidade de reparo por tudo aquilo que fizemos de equivocado. Não existe a pena eterna.

Consequentemente, nós somos os autores de nossas futuras vidas em condições melhores ou mais sofridas, conforme nossas Atitudes, Palavras, Emoções, Sentimentos e Pensamentos do presente.

Sociedade Espírita Raios de Luz de Tapera