SELBACH – Resumo da última sessão da Câmara de Vereadores – 13/11/2017

PROJETOS

PROJETO DE LEI MUNICIPAL Nº 56/2017: Dispõe sobre as diretrizes para a elaboração da Lei Orçamentária de2018, e dá outras providências.
PROJETO DE LEI MUNICIPAL Nº 057/2017: Dispões sobre a Alteração de texto legal, da Lei 860/1994, em seu Art. 2º, e dá outras providências
PROJETO DE LEI MUNICIPAL Nº 58/2017: Prorroga o Prazo de entrega do Projeto de Lei do Orçamento Anual para 2018.

EXPLICAÇÕES PESSOAIS:

VEREADORA DÓRIS SCHENEIDER (PMDB): Presidente Bonemar, colegas vereadores, Secretário Valdecir, assessor jurídico Claudir e imprensa.
Está acontecendo em nosso município de 6 a 10 de novembro a 6ª Semana do Bebê, a mesma pretende conscientizar a sociedade sobre a importância dos daqueles cuidados que representam 10,6 % da população brasileira as crianças entre 0 a 6 anos.
Mais do que um evento festivo a Semana do Bebê, também se preocupa em mobilizar o poder público a proposta é reunir esforços de governos e da sociedade em torno da garantia dos direitos das gestantes mães e de seus filhos. Sabemos que os primeiros anos de vida da criança são fundamentais, elas tem o direito a um desenvolvimento saudável para dessa forma se tornarem pessoas felizes, que contribuam para a construção de uma comunidade melhor. Várias programações estão acontecendo em nosso município envolvendo a secretaria de saúde, educação, assistência social, as visitadoras do PIM (Primeira Infância Melhor) e as famílias envolvidas. Em nosso município são atendidas em torno de 40 famílias na sede e do Distrito de Arroio Grande.
As visitadoras Roselaine e Cleoníria realizam atividades domiciliares que auxiliam as famílias no desenvolvimento integral das crianças para as crianças de 0 a 3 anos e atividades de grupo para crianças de 4 e 5 anos.
Acontecem também os encontros de acompanhamento para gestantes do município e a puericultura o que parece ser uma simples comemoração traz resultados extremamente positivos ao município a que constatam o aumento das coberturas pré-natal e vacinal.
Uma maior busca de informações referente a saúde da família, a melhoria da qualidade do atendimento dos profissionais e a consciência da importância da amamentação.
Obrigada.

VEREADOR MICHAEL KUHN (PP): Eu quero saudar o Senhor Presidente, Senhor Bonemar Bender, demais colegas vereadores, funcionários desta casa legislativa, imprensa que nos acompanha.
Presidente quero colocar 2 questões, que pessoas nos procuram, me procuram, preocupados com anseios de uma solução de melhoria.
A primeira questão é aqui na praça pública, nossa praça João XXIII, moradores aqui ao entorno reclamam de barulho de algazarra, de desorganização, desorganização no sentido de, na forma de como utilizar a nossa praça, isso altas horas da noite inclusive o nosso pároco, o padre Aloísio, também em rede social, postou a sua insatisfação não só ele mas outros moradores já não agora há poucos dias mas de longa data comentam que fica difícil, trabalhadores, pessoas da 3ª idade que infelizmente tem o seu momento de sossego perturbado. Eu acredito o seguinte que daqui a pouco poderia, por parte do executivo, haver uma conversa com os zeladores que fazem seu horário aqui na Prefeitura, que daqui a pouco podem auxiliar para nós melhorar essa questão da seguinte forma, havendo uma situação fora do controle que possam daqui a pouco entrar em contato com a brigada, a brigada faz a ronda mas daqui a pouco é também uma forma de nós melhorarmos, os moradores daqui a pouco não querendo é assim acabam não querendo arrumar problema ou não querem se envolver para não se incomodar, mas embora que cada um vai ter que fazer a sua parte, acredito que conversando com a Brigada também vão dar uma atenção especial, eu acredito que conversando com os zeladores e colocando a situação, eles também podem mesmo daqui, tendo uma visão da nossa praça João XXIII, daqui a pouco, pode nos auxiliar para nós mantermos uma questão de ordem na nossa praça.
Quero também fazer uma colocação quanto ao Bairro Santa Fé, onde no início do ano, em abril até moradores estiveram presentes em nossa sessão que nós aprovamos um projeto de incentivo e parceria de moradores e poder público para pavimentação e naquela situação nós colocamos e eu defendo que no Bairro Santa Fé nós temos que, não é simplesmente pavimentação, por que nós temos que primeiro, resolver a questão da água onde a CORSAN tem que assumir isso, não é um trabalho tão fácil assim e a questão da canalização da água, tubulação, acredito o seguinte, se nós não dermos em cima, se nós não cobrarmos um prazo da CORSAN, se nós não, também dar um parecer a esses moradores, fica difícil e outra questão , colegas vereadores é nós estamos com 800.000 de emenda para pavimentação cadastradas, eu acredito que no ano que vem ou enfim nos próximos anos, quem sabe nós podemos daqui a pouco, 250.000, 500.000 para o Bairro Santa Fé, só que se não haver ainda todo esse trabalho que a CORSAN tem que realizar, não haver todo esse trabalho de tubulação que daqui a pouco, pode sim alguma parte com recursos próprios, então o que eu quero dizer assim em parceria com o executivo nós novamente, daqui a pouco entrarmos em contato com a CORSAN ver se existe um prazo, uma previsão para o início deste trabalho até também para dar uma posição aos moradores tem esse anseio de ver uma melhoria acontecendo lá no Bairro Santa Fé.
Seria então por hoje essas minhas colocações. Muito obrigado.

VEREADOR CLAUDINHO ALVES (PP): Senhor Presidente Bender, colegas vereadores, assessor Claudir, imprensa.
Nesse momento a gente quer comentar também no adiamento do nosso colega, do nosso amigo aqui presente, inicialmente dizer que nós vereadores somos a base de comunicação entre legislativo e a população, temos a competência principal, é fiscalizar e controlar os atos do poder executivo, porém também, somos eleitos para cuidar da liberdade e segurança, principalmente do bem estar social dos munícipes, tenham sempre a responsabilidade de priorizar os anseios da coletividade, dando atenção necessária às pessoas. As proposições aprovadas aqui no poder legislativo, tem elementos indicativos que lá tem sentido, o principal tem sempre a participação do povo, as proposições dos vereadores, de lideranças também nas comunidades a tramitação dos prazos das proposições, respostas é algo a ser analisado e também valorizado aqui nessa casa.
Passamos por momentos de perturbações e muitas reclamações aqui na cidade a gente propôs proposições sobre o sossego público, a gente fez encaminhamento a gente espera um posicionamento do executivo, do senhor presidente da casa também tome a providência, uma atitude que a gente possa amenizar esse problema que está se realizando em nossa cidade, a gente conta também ao poder executivo que ele possa dar uma atenção especial para as proposições lançadas aqui na casa, que dê uma atenção maior e um retorno mais imediato.
Muito Obrigado.

VEREADOR ARLEI WILLIG (PMDB): Boa Noite a todos, presidente Bonemar, nobres vereadores, população em geral.
Hoje vou falar sobre o calçamento que nós temos feito entre Floresta e Bela Vista, acho que faz 2 ou 3 sessões atrás que falei para o pessoal ao menos respeitar as placas de sinalização o que aconteceu no final de semana, houve carros que invadiram o calçamento danificando totalmente ele, ou seja, vai ter que ser refeito, não é também só o custo de refazer, a população que mora lá vai ter que ficar, vai atrasar mais ainda a obra, vai dar mais transtornos, então eu acho, as pessoas se tem como identificar, tem que pagar pelo custo que vai ter essa obra, então que não pode isso acontecer, o pessoal não respeitar as placas, só arcando com o bolso que não aprender essa lição que não é uma obra pública que tá sendo feita, ainda fazem, parece que fazem por gosto, seria isso.
Meu muito obrigado.