CAMPOS BORGES – Por unanimidade TER julga inocentes Everaldo e Trenhago

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RS) acolheu nesta quarta feira o recurso contra o pedido de cassação do Prefeito municipal de Campos Borges Everaldo da Silva Moraes e seu vice, Altemiro Trenhago. No julgamento que aconteceu em Porto Alegre, os sete desembargadores votaram a favor do recurso. Em março, o juiz Daniel da Luz, da Justiça Eleitoral da 4ª Zona Eleitoral da Comarca de Espumoso, publicou no sistema processual do TRE a sentença de cassação de Everaldo e Trenhago, por interpretar naquela oportunidade que os demandados obraram captação ilícita de sufrágio no pleito de 2016, comprando votos de seus eleitores sob a promessa de alcançar-lhes benefícios e proveitos econômicos.

O advogado Paulo Ivan Drunn Klein então recorreu da decisão, e na última quarta feira realizou nova defesa destacando a importância das provas juntadas no processo, bem como a edição dos vídeos e áudios inclusos no processo e o testemunho dos demais envolvidos, o que acabou por confirmar a inocência de Everaldo e Trenhago. Após receber a noticia Everaldo comemorou dizendo que “a justiça foi feita deixando bem esclarecida nossa inocência, pois vencemos por sete a zero, e isso prova que alguma coisa errada havia acontecido anteriormente, pois sempre estivemos cientes de nossa honestidade”.

Everaldo venceu o pleito eleitoral disputado com a ex-prefeita Sandra Soares 1484 votos contra os 1420 votos da oponente. Conforme Everaldo, “esta conquista da ainda mais energia a administração para continuar o trabalho que vem sendo realizado com muito esforço desde o mês de janeiro, sempre buscando fazer o melhor pela comunidade de Campos Borges”.

(Prefeitura de Campos Borges)